Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2016

SOBRE: Términos

Imagem
* Para ler ouvindo *
Términos são términos; não há muito o que discutir. Por mais que a situação na qual o indivíduo se encontra seja desgastante e massiva, quando acaba sempre restam dúvidas, inseguranças e pedaços de algo que talvez a muito estivesse quebrado, mas fazia parte da vida (The heart wants what it wants, né?).
Eu acho engraçado por que, no fim das contas, as filosofias de vida sempre chegam num ponto em comum e aqui não vai ser diferente.
Cá estamos nós com o clichê do copo "meio cheio" e não "meio vazio", gosto de pensar assim (por mais que pouco aplique na minha vida, de fato). 
Aceitando ou não a vida é feita de começos e fins, né? E seria ótimo se pudéssemos prever situações chatas e que não nos levariam a lugar algum antes mesmo delas acontecerem, MAS, devemos concordar que o Tesão da vida seria ZERO, conforme diz o ditado: O que vem fácil, quase sempre vai fácil.
Quando algo acaba em nossas vidas, a tendência geral é sempre focar nos pontos negativos …

Coisa de Blogueirinha #1 - Ctrl + C / Ctrl + V

Imagem

O Constante Processo de Auto-sabotagem

Imagem
Tava aqui assistindo uns videozinhos nessa internet de meu deus e, dos assuntos que mais gosto de ouvir falar, empoderamento (EMPODERAMENTO) é um deles.

No mês das mulheres esse ano, aconteceu no Youtube um projeto muito lindo, liderado pela Jout Jout, sobre mulheres criadoras. A ideia era empoderar meninas e mulheres a se jogarem nesse mundão da criação de conteúdo, já que mesmo depois de todo esse tempo, a grande massa da internet é masculina. Nessa jornada de gravação, rolou um papo legalzíssimo com a Ana de Cesaro sobre assuntos diversos e, entre eles, a auto-sabotagem. Daí surgiu a ideia deste post.

Mas por quê? Eu percebi que ao longo deste tempo remoendo e remoendo a ideia de criar ou não um blog, escrever ou não na internet, eu estava em nada menos que uma jornada de auto-sabotagem. Não é fácil admitir isso ao mesmo tempo em que é muito nítido quando você ouve falar. Não estamos todos numa jornada de auto conhecimento e sabotagem ao mesmo tempo? O que dizer dos vários sonhos qu…

Sobre o "Nome Provisório" e como o provisório é permanente a beça

Então, aí vamos nós.

Essa deve ser a 47ª vez que tento criar um blog. A verdade é que eu nunca me acho boa o suficiente, ou nunca imagino que o conteúdo será bom o suficiente para fazer alguém salvar meu blog na "barra de favoritos" e visitá-lo semanalmente para saber das atualizações. Porém, nos últimos tempos tenho lindo algumas (muitas) coisas e visitado alguns (muitos) blogs e é tudo tão espontâneo e sem pressão que eu decidi tentar mais uma vez (não é assim que a gente consegue, colega?). 
 Daí surge meu primeiro, e único, desafio até então: Um nome. Quero quebrar os forninhos do convencional, tem que ser lembrado, tem que ser malavilous! 

NOME PROVISÓRIO

Já dá pra imaginar o nível de criatividade presente neste corpinho. Necas de pitibiriba (um ode às gírias de vó)!
Enfim, é esse o nome e não, ele não é nem um pouco provisório por que a ideia é essa, a de vocês acharem que qualquer hora ele vai mudar mas na verdade ele vai ficar assim pra sempre, amém (estraguei a brincad…